Destaque

Braga. Câmara quer mais dez elementos na Polícia Municipal

O Município de Braga vai proceder à abertura de um concurso para a admissão de dez Polícias Municipais. O procedimento concursal será apreciado na próxima Segunda-feira, dia 22 de Maio, na reunião descentralizada do Executivo Municipal que se realizará no Auditório da sede da Junta de Merelim S. Paio.
Este reforço irá criar as condições necessárias para a entrada em vigor do terceiro turno na Polícia Municipal que passará, assim, a funcionar em regine contínuo. Segundo Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, com a criação de um terceiro turno, a Polícia Municipal terá as condições necessárias para proceder à fiscalização e vigilância dos estabelecimentos que funcionam em horário nocturno. “Essa fiscalização, até agora extraordinária, vai passar a ser regular”, assegura o Edil Bracarense, salientando que esta reorganização responde às exigências de uma Cidade ´em franca expansão´.
A admissão de novos agentes constitui uma aposta reforçada nesta força de segurança municipal. Recorde-se que, em Novembro do ano passado, o Município apresentou a nova farda da Polícia Municipal, num investimento na ordem dos 55 mil euros e que incluiu a caracterização das viaturas. “Esta é uma forma de valorizar o trabalho da Polícia Municipal, tornando-a mais operacional e capaz de responder às suas funções”, explica Ricardo Rio.
Também este ano a Polícia Municipal reforça o seu papel na vigilância florestal, em estreita colaboração com as corporações de bombeiros e com a própria Autoridade Nacional de Protecção Civil.
Nesta reunião descentralizada, o Executivo Municipal irá apreciar também a abertura do procedimento concursal para a ocupação de 14 postos de trabalho na carreira de assistente operacional para os agrupamentos de escolas.

comentários