CulturaDestaqueSociedade

Enterro da Gata. Pedro Couto Soares mostra “orgulho” na grandiosidade do evento

Já arrancaram as Monumentais Festas do Enterro da Gata, com o velório a partir da estação de comboios de Braga em direção ao largo do Paço, nesta sexta-feira (12).

O Semanário V falou com Pedro Couto Soares, natural de Vila Verde, que no ano de 2008 era presidente da Associação Académica da Universidade do Minho, e um dos responsáveis pela mudança do recinto Gatódromo da Quinta dos Peões para a Alameda do Estádio, que mostrou “orgulho” pela grandiosidade das festas e “pena” de não poder estar presente na edição deste ano.

“Tenho pena de não ter tempo para lá ir mas acho que o enterro da gata continua a ser uma festa, uma celebração de estudantes que marca a região”, indicou o atual diretor da Agência Nacional Erasmus+.

Pedro Couto Soares deixa ainda elogios ao “trabalho de dirigentes que prepararam a festa durante todo o ano”.

Ainda na noite desta sexta-feira, acontece a serenata, a cargo do Grupo de Fados e Serenatas da Universidade do Minho.

A edição deste ano conta com sete noites de música no Gatódromo e a primeira noite de concertos arranca já no sábado (13), com atuações de Mishlawl, D.A.M.A. e Lost Frequencies.

comentários