DestaqueSociedade

Braga. Detido pela PJ suspeito de atear fogo em Espinho

A Polícia Judiciária (PJ) deteve o presumível autor de um incêndio florestal ocorrido no domingo na freguesia de Espinho, concelho de Braga, informou hoje aquela força.

Em comunicado, a PJ acrescenta que o incêndio terá ocorrido “num quadro de alcoolismo”, tendo o suspeito, com recurso a um isqueiro, ateado o fogo a uma mata em três locais distintos, junto da sua residência e na proximidade de outras habitações.

O incêndio não atingiu maiores proporções devido à “rápida intervenção” dos bombeiros.

A PJ diz que o suspeito foi detido “com a colaboração” da GNR.

O detido, de 50 anos, desempregado, vai ser apresentado às autoridades judiciárias competentes para interrogatório e aplicação das respetivas medidas de coação.

comentários